domingo, 21 de janeiro de 2018

Xadrez - Mate em 21! (Filip Bondarenko)

Filip Semyonovich Bondarenko, Feenschach, 1960.
Código FEN: 8/5Q2/2r1p3/2rkr1Q1/2rrr3/8/8/7K w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 21 lances!

(White to play and give checkmate in 21 moves!)

PCFilho

Efemérides tricolores - 21 de janeiro


1947: com 98 votos na reunião do Conselho Deliberativo, o presidente Manoel de Moraes Barros Netto foi reeleito para mais dois anos de mandato no cargo máximo do Fluminense. O principal feito do segundo mandato de Manoel de Moraes Barros Netto na presidência seria a conquista do Torneio Municipal de 1948.

1954: em jogo amistoso no Estádio Uberabão, o Fluminense ganhou por 4 a 0 do Uberaba, com gols de Esquerdinha (dois, um de pênalti), Ivo e Didi. Nas semanas seguintes, o Tricolor faria sete partidas no Uruguai, pela Copa Montevideo.

1957: o sócio e ex-atleta da natação Jorge Frias de Paula foi eleito presidente do Fluminense, em decisão unânime dos 177 membros presentes do Conselho Deliberativo do clube, para suceder a Jorge Amaro de Freitas. O presidente Jorge Frias de Paula permaneceria no cargo por três mandatos de dois anos, até o dia 17 de janeiro de 1963, quando seria eleito seu sucessor Nelson Vaz Moreira. Durante os mandatos de Jorge Frias de Paula, o Fluminense conquistaria o Campeonato Carioca de 1959 e os Torneios Rio-São Paulo de 1957 e 1960 no futebol, mas também seria bem-sucedido em outros esportes - por exemplo, venceria o Campeonato Carioca de Basquete de 1961. Em sua gestão, Jorge Frias de Paula, que foi nadador dos "100 metros costas" nos Jogos Olímpicos de 1932, em Los Angeles, também inauguraria o novo parque aquático da sede de Laranjeiras.

1958: em partida amistosa, no Estádio Presidente Vargas lotado, em Fortaleza, o Fluminense empatou em 3 a 3 com o Ceará. O Tricolor terminou o primeiro tempo vencendo por 3 a 1 (com dois gols de Waldo e um de Róbson), mas cansou e cedeu o empate na etapa complementar (este foi o terceiro jogo do Fluminense em um intervalo de quatro dias). Foi o primeiro tropeço do Tricolor na excursão pelas regiões Norte e Nordeste, que agora contabilizava seis vitórias e um empate.

1959: exatamente um ano após a partida de 1958, o Fluminense voltou a enfrentar o Ceará no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, e desta feita obteve uma vitória por 5 a 0, gols de Pinheiro (dois), Waldo (dois) e Escurinho. Pelo resultado, o Fluminense recebeu a Taça Movelaria Avenida. Este foi o quinto jogo de uma sequência invicta que duraria doze partidas (e não seria a maior daquela temporada memorável, em que o Fluminense conquistaria o Campeonato Carioca com uma campanha sensacional).

1976: no segundo amistoso da Máquina Tricolor versão '76, o Fluminense ganhou por 3 a 1 do CEUB, no Estádio Presidente Médici (atual Mané Garrincha), em Brasília. Os gols tricolores foram de Doval (dois) e Rivellino. Foram os dois primeiros gols do centroavante argentino com a camisa tricolor.

1981: em partida válida pela segunda rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro, no Estádio Rei Pelé, em Maceió, o Fluminense ganhou por 2 a 0 do CSA, graças aos gols de Gilberto e Cristóvão. O estádio da capital de Alagoas recebeu 20.879 pagantes para o jogo.

1995: o Fluminense encerrou sua pré-temporada em Nova Friburgo com um amistoso contra o Friburguense, no Estádio Eduardo Guinle. O jogo terminou 1 a 1, gols de Lira para o Fluminense e de Dedei para o Friburguense, ambos de pênalti. Nos meses seguintes, o Tricolor se sagraria campeão carioca, após dez anos de espera.

2001: o Fluminense estreou no Campeonato Carioca com vitória: 3 a 1 sobre o America, no Estádio Caio Martins, em Niterói. A vitória tricolor aconteceu graças aos gols de Faustino Asprilla (de falta), Tiago Silva e Paulo César.

2012: em sua estreia no Campeonato Carioca, no Estádio do Bangu, em Moça Bonita, o Fluminense ganhou por 3 a 0 do Friburguense, gols de Araújo, Rafael Moura e Thiago Carleto (de falta). Estava começando uma grande temporada, na qual o Tricolor conquistaria não somente o Campeonato Carioca, mas também o quarto Campeonato Brasileiro de sua história.

****

Aniversariante do dia:

Walter Pereira Lopes, o Walter (1929), zagueiro que integrou o plantel do Fluminense na temporada de 1950.

PCFilho

Xadrez - Mate em 20! (William Anthony Shinkman)

William Anthony Shinkman, Dubuque Chess Journal, 11/1871.
Código FEN: rR4r1/6P1/8/8/p5Q1/k7/1p2n2K/qb6 w - - 0 1.

Um famoso problema de William Anthony Shinkman: as Brancas jogam e dão xeque-mate em 20 lances!

(A famous problem by William Anthony Shinkman: White to play and give checkmate in 20 moves!)

PCFilho

sábado, 20 de janeiro de 2018

Efemérides tricolores - 20 de janeiro


1918: em amistoso internacional, no campo do Botafogo, na rua General Severiano, o Fluminense empatou em 1 a 1 com o Dublin, do Uruguai. Pensalfini abriu o placar para os orientais no primeiro tempo, e o centroavante inglês Welfare marcou o gol de empate do Fluminense nos minutos finais do jogo. Esta foi a primeira partida do Tricolor contra um clube do país vizinho.

1934: em amistoso interestadual, no Estádio de Lourdes, em Belo Horizonte, o Fluminense voltou a vencer o Atlético Mineiro, desta vez por 2 a 0, graças aos gols de Tintas e Vicentino (a vitória da semana anterior fora por 3 a 1 - vide 14 de janeiro).

1937: em sua terceira partida no Torneio dos Campeões, o Fluminense ganhou por 6 a 2 da Portuguesa, campeã paulista, no Estádio de Laranjeiras. Os gols tricolores foram anotados por Romeu Pellicciari, Russo, Hércules (dois, um de falta), Brant e Sobral (ou Vicentino para algumas fontes). O Torneio dos Campeões, um quadrangular com os campeões do Distrito Federal, de São Paulo, de Minas Gerais e do Espírito Santo, foi uma das primeiras tentativas de organização de um campeonato nacional de clubes.

1941: na terceira e decisiva partida da final do Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais de 1940, no Estádio do Pacaembu, em São Paulo, a Seleção Carioca empatou em 2 a 2 com a Seleção Paulista, conquistando o título no critério do saldo de gols. O escrete campeão brasileiro jogou assim: Tadeu [America] (Alfredo [Madureira]); Domingos da Guia [Flamengo] e Osvaldo [Flamengo]; Afonsinho [São Cristóvão], Zarzur [Vasco] e Argemiro [Vasco]; Adílson [Fluminense], Zizinho [Flamengo], Leônidas da Silva [Flamengo], Jair Rosa Pinto [Madureira] e Carreiro [Fluminense]. Zizinho e Adílson abriram 2 a 0 para os cariocas, e Luizinho marcou os dois gols paulistas.

1946: em jogo amistoso, no Estádio Baenão, em Belém, o Fluminense ganhou por 4 a 0 do Remo, gols de Orlando Pingo de Ouro (dois), Pascoal e Geraldino. Este foi o primeiro duelo do Tricolor contra o Clube do Remo na história.

1948: no Dia de São Sebastião, padroeiro do Rio de Janeiro, foi lançada a pedra fundamental do Estádio do Maracanã. Iniciava-se ali a construção do palco que se tornaria a principal casa do Fluminense, a partir de 1950.

1952: é campeão! Na segunda partida da decisão do Campeonato Carioca de 1951, diante de 78.835 presentes (68.820 pagantes) no Maracanã, o Fluminense derrotou o Bangu por 2 a 0, e conquistou o título máximo da cidade! O ponta Telê, que jogou de centroavante, foi o grande destaque do jogo, marcando os dois gols da vitória tricolor. O onze do Fluminense no jogo final foi o seguinte: Castilho; Píndaro e Pinheiro; Vitor, Édson e Laffayette; Lino, Didi, Telê, Orlando Pingo de Ouro e Róbson. O ano do cinquentenário do Fluminense começava com a conquista do Rio de Janeiro, e em julho e agosto teria uma glória mundial...

1957: diante de 20.249 presentes (16.573 pagantes) no Maracanã, a Seleção Carioca venceu a Seleção Paraense por 6 a 0, gols de Pinga, Vavá (dois), Índio (dois) e Didi. A escalação carioca foi a seguinte: Castilho [Fluminense]; Paulinho [Vasco] e Édson [America]; Zózimo [Bangu], Dequinha [Flamengo] e Nilton Santos [Botafogo]; Joel [Flamengo], Índio [Flamengo], Vavá [Vasco], Didi [Botafogo] e Pinga [Vasco]. Com o resultado, o escrete do Distrito Federal classificou-se à fase final do Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais de 1956.

1960: em sua estreia no Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais de 1959, no Estádio Juvenal Lamartine, em Natal, a Seleção Carioca venceu a Seleção Potiguar por 4 a 2. Os cariocas, sob o comando técnico do ídolo tricolor Tim, jogaram com: Manga [Botafogo]; Joel [Bangu], Darci Faria [Bangu] e Altair [Fluminense]; Amaro [America] e Russo [Vasco]; Sabará [Vasco], Rossi [Botafogo], Pinga [Vasco], Décio Esteves [Bangu] e Babá [Flamengo]. Os gols cariocas foram de Pinga (três) e Babá.

1963: no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais de 1962, no Maracanã, a Seleção Carioca venceu a Seleção Cearense por 5 a 1. A escalação do escrete carioca tinha três atletas tricolores: Castilho [Fluminense]; Jair Marinho [Fluminense], Mário Tito [Bangu], Zózimo [Bangu] e Altair [Fluminense]; Carlinhos [Flamengo] e Gérson [Flamengo]; Joel [Flamengo], Henrique Frade [Flamengo], Dida [Flamengo] e Nilo [America]. Os gols cariocas foram de Dida (dois) e Gérson (três, um de pênalti). A partida de volta seria três dias depois, em Fortaleza (vide 23 de janeiro).

1998: em sua estreia na Copa do Brasil, o Fluminense venceu o ABC por 4 a 1, no Machadão, em Natal, graças aos gols de Magno Alves (três) e Gil Baiano, eliminando o adversário sem a necessidade do jogo de volta.

2010: o Fluminense ganhou por 3 a 0 do Bangu, no Maracanã, em partida válida pelo Campeonato Carioca. Os gols da vitória tricolor foram marcados por Fred (dois, ambos de pênalti) e Alan. Os três triunfos em três jogos no ano eram o prenúncio de uma temporada que seria histórica...

2011: o Fluminense venceu o Bangu por 1 a 0, no Engenhão, em sua estreia no Campeonato Carioca. O gol foi do centroavante Fred, de cabeça, aos 36 minutos do segundo tempo.

2013: o Fluminense derrotou o Nova Iguaçu por 2 a 0, em São Januário, em sua primeira partida no Campeonato Carioca. Os dois gols do jogo foram assinalados pelo meia Wagner, ambos de cabeça.

****

Aniversariantes do dia:

Oscar Alfredo Sebastião Cox (1880), o idealizador, fundador e primeiro presidente do Fluminense Football Club. Oscar Cox também atuou pelo time do Fluminense, realizando ao todo nove partidas entre 1902 e 1908, tendo participado das campanhas vitoriosas dos Campeonatos Cariocas de 1906 e 1908. O personagem mais importante da história tricolor recebe até hoje homenagens, como o busto que se encontra na sede de Laranjeiras, desde 2015.
Oscar Cox, o Pioneiro, nasceu em 20 de janeiro de 1880,
filho de George Emmanuel Cox e Minervina Dutra Cox.

Hélvio Pessanha Moreira, o Hélvio "Piteira" (1924), zagueiro natural de Campos dos Goytacazes, com 86 partidas pelo time principal do Fluminense, entre as temporadas de 1945 e 1949. Participou da vitoriosa campanha tricolor no Torneio Municipal de 1948. Depois, fez uma bonita carreira no Santos, e em 1955 chegou a atuar na Seleção Brasileira. (Mais sobre Hélvio no site Tardes de Pacaembu.)
Hélvio "Piteira", zagueiro tricolor.

Adilson Rodrigues, o Adilson (1947), ponta-esquerda natural de Campinas, integrante do time do Fluminense que conquistou o Campeonato Carioca de 1973. Marcou 4 gols em 47 jogos com a camisa tricolor, entre 1972 e 1973.

Sebastião Ricardo Drubscky de Campos, o Ricardo Drubscky (1960), treinador mineiro, com uma curta passagem no comando técnico do Fluminense, no primeiro semestre de 2015.

PCFilho

Programação da Loteca - Concurso 784



Amigos e amigas, confiram abaixo a programação com as 14 partidas que compõem o concurso número 784 da Loteca, a loteria esportiva da Caixa Econômica Federal. Elas serão disputadas no sábado 27 e no domingo 28 de janeiro:
1) Flamengo x Vasco (sábado, 17:00)
2) Corinthians x São Paulo (sábado, 17:00)
3) Paraná x Londrina (domingo, 17:00)
4) Vila Nova x Atlético Goianiense (sábado, 17:00)
5) Avaí x Figueirense (domingo, 17:00)
6) Chapecoense x Joinville (domingo, 17:00)
7) Juventude x Novo Hamburgo (domingo, 18:00)
8) Tombense x Cruzeiro (sábado, 19:00)
9) Bragantino x Palmeiras (domingo, 17:00)
10) América de Natal x ABC (sábado, 18:00)
11) Ceará x Ferroviário (sábado, 20:00)
12) Olympique Marseille x Monaco (domingo, 18:00)
13) Milan x Lazio (domingo, 15:00)
14) Roma x Sampdoria (domingo, 17:45)

Os bilhetes deste concurso 784 da Loteca poderão ser registrados a partir da manhã da segunda-feira 22, até as 14:00 de Brasília do sábado 27, em qualquer casa lotérica do território brasileiro. Recomendamos que os leitores registrem suas apostas com a máxima antecedência possível, a fim de evitar filas e outros transtornos.

Confiram em breve aqui no Jornalheiros os porcentuais estimados das apostas para os 14 jogos. Os porcentuais são a base do método de apostas que explico no e-book "Um método inteligente para apostar na Loteca", detalhando a estratégia que desenvolvi para a loteria esportiva. Interessados, por favor entrar em contato por e-mail: pcfilho@gmail.com, ou nos comentários abaixo. Ainda é possível adquirir o e-book com desconto.

Em cada um dos 14 jogos, o apostador deve escolher um dos três resultados possíveis: coluna 1 (vitória do mandante), coluna do meio (empate) ou coluna 2 (vitória do visitante). A aposta mínima na Loteca dá direito a um palpite duplo e custa R$ 2,00 (dois reais). Para cada palpite duplo marcado a mais, multiplica-se o preço da aposta por 2. Para cada palpite triplo marcado a mais, multiplica-se o preço da aposta por 3. Abaixo, a tabela com as apostas possíveis e seus respectivos preços:

Abaixo, a seção dos comentários está sempre aberta para que vocês façam suas observações. Qual será a grande zebra do concurso 784? Qual time não perderá de jeito nenhum? Qual será o seu jogo? Esperamos as suas opiniões! Muito obrigado a todos vocês pelo prestígio a este blog Jornalheiros! Apostem com moderação, e boa sorte rumo aos 14 acertos!

PCFilho

Resultados da Loteca - Concurso 783


Amigos e amigas, seguem abaixo os resultados dos jogos do concurso 783 da Loteca, a loteria esportiva da Caixa Econômica Federal. Os jogos, neste fim de semana (sábado 20 e domingo 21), são válidos pelos Campeonatos Carioca, Catarinense, Gaúcho, Goiano, Paulista, Italiano, Francês, Inglês e Espanhol. Os horários abaixo estão todos no fuso de Brasília, e as partidas já encerradas estão em negrito:
1) Fluminense 0 x 0 Botafogo (encerrado)
2) Avaí x Joinville (domingo, 17:00, Ressacada)
3) Grêmio 3 x 5 Caxias (encerrado)
4) Goiás x Vila Nova (domingo, 17:00, Serra Dourada)
5) São Caetano x Corinthians (domingo, 19:30, Pacaembu)
6) Operário MS x Comercial MS (jogo adiado, IRÁ A SORTEIO)
7) Vasco x Nova Iguaçu (domingo, 17:00, São Januário)
8) Novo Hamburgo x Internacional (domingo, 17:00, Estádio do Vale)
9) Mirassol 0 x 0 São Bento (encerrado)
10) Tubarão x Figueirense (domingo, 19:30, Domingos González)
11) Internazionale Milano x Roma (domingo, 17:45, Itália)
12) Olympique Lyon x Paris Saint-Germain (domingo, 18:00, França)
13) Manchester City 3 x 1 Newcastle (encerrado)
14) Real Sociedad x Celta de Vigo (domingo, 15:30, Espanha)

O resultado do sorteio do jogo 6 e os rateios dos prêmios para 14 e 13 acertos serão divulgados pela Caixa Econômica Federal em seu site oficial, na segunda-feira 22.

Para conferir antecipadamente a grade do próximo concurso da Loteca, vide: Programação da Loteca - Concurso 784.

Boa sorte rumo aos 14 acertos!

PCFilho

PS: estou escrevendo o e-book "Um método inteligente para apostar na Loteca", detalhando minuciosamente a estratégia que desenvolvi para a loteria esportiva. Interessados, por favor entrar em contato por e-mail: pcfilho@gmail.com, ou nos comentários abaixo. Ainda é possível adquirir o e-book com desconto.

Xadrez - Mate em 19! (Henri Gerard Marie Weenink)

Henri Gerard Marie Weenink, Oprechte Haarlemsche Courant, 01/04/1922.
Código FEN: 8/8/8/1pR1P1K1/p2P2P1/rp1B1P2/pk6/b7 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 19 lances!

(White to play and give checkmate in 19 moves!)

PCFilho

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Efemérides tricolores - 19 de janeiro


1938: é bicampeão!! Em jogo válido pela penúltima rodada do Campeonato Carioca de 1937, na rua Figueira de Melo, o Fluminense ganhou por 7 a 1 do Olaria, e garantiu matematicamente a conquista do bicampeonato!! Os gols da vitória tricolor foram de Tim, Hércules (dois), Sandro, Guimarães e Romeu Pellicciari (dois). Com a excelente campanha de dezessete vitórias, três empates e uma derrota, o Fluminense não poderia mais ser alcançado por nenhum rival. A escalação no jogo do título foi a seguinte: Batatais; Ernesto e Machado; Santamaría, Brant e Guimarães; Sandro, Romeu Pellicciari, Celeste, Tim e Hércules. No fim do ano, o bicampeonato se transformaria em tri, após outra temporada vitoriosa do timaço tricolor.
Montagem com fotos de onze dos campeões de 1937.

1939: em amistoso disputado no campo do Byron, em Niterói, o Fluminense, atuando com o time reserva, derrotou seu homônimo de Niterói, campeão daquela cidade, por 4 a 3, graças aos gols de Milani (três) e Sandro.

1958: no segundo amistoso no Estádio Nhozinho Santos, em São Luís, o Fluminense ganhou por 3 a 1 do Sampaio Corrêa, graças aos gols de Waldo (dois) e Jair Francisco. Com as quatro vitórias de Belém e a vitória da véspera sobre o Moto Club (vide 18 de janeiro), já eram seis triunfos consecutivos na viagem do Tricolor pelas regiões Norte e Nordeste.

2008: em sua estreia no Campeonato Carioca, diante de 32.622 presentes (24.811 pagantes) no Estádio do Maracanã, o Fluminense venceu o Cardoso Moreira por 2 a 0, com gols de Thiago Neves e Cícero. Estava começando um semestre que seria inesquecível para a torcida tricolor.

****

Aniversariantes do dia:

Cícero da Silva Pereira Júnior (1908), torcedor do Fluminense e folclórico bandeirinha do futebol carioca, famoso por sempre correr na lateral da tribuna de honra do Maracanã, e nunca no outro lado do gramado. Sobre sua paixão pelo Fluminense, declarou certa vez: "Por que hei de esconder minhas preferências clubísticas? Já disse diversas vezes a amigos que me vêm perguntar, e repito: sou Fluminense doente. Já fui até sócio contribuinte e sócio atleta do tricolor das Laranjeiras. Mas uma coisa eu faço questão de frisar: dentro das quatro linhas do gramado, com uma bandeirinha na mão, esqueço por completo minha condição de pó-de-arroz para ser, pura e simplesmente, o fiscal de linha. Na condição de bandeirinha, não tenho clube. Na condição de homem, sou Fluminense fanático".
Cícero Pereira Júnior, bandeirinha e torcedor do Fluminense.

Aílton dos Santos Ferraz, o Aílton (1966), meio-campista carioca, com 8 gols marcados em 63 jogos pelo Fluminense, entre as temporadas de 1995 e 1996. Além dos 8 gols que de fato marcou, Aílton é o "autor oficial" do famoso Gol de Barriga de Renato Gaúcho, na lendária decisão do Campeonato Carioca de 1995, porque, na súmula, o árbitro Léo Feldman registrou o gol para ele.
O chute cruzado de Aílton, que encontrou a barriga de Renato Gaúcho.

Ione César Bottega, o César (1968), ponta-direita que jogou no time principal do Fluminense entre as temporadas de 1989 e 1990.

Wellerson Ribeiro Dias, o Wellerson (1972), goleiro que integrou o plantel profissional do Fluminense entre as temporadas de 1993 e 1997. Atuou em 158 partidas com a camisa tricolor, tendo participado da conquista do Campeonato Carioca de 1995.
Wellerson, goleiro tricolor.

José Renato da Silva Júnior, o Renato (1990), lateral-direito alagoano, com 2 gols marcados em 42 jogos pelo time principal do Fluminense, entre 2015 e 2017.
Renato, lateral.

Lucas Pierre Santos Oliveira, o Pierre (1992), volante com 70 atuações pelo Fluminense, entre as temporadas de 2015 e 2017. Com a camisa tricolor, foi campeão da Copa da Primeira Liga de 2016.
Pierre, volante.

Marcos Júnio Lima dos Santos, o Marcos Júnior (1993), atacante brasiliense revelado pelo Fluminense, integrante do elenco profissional desde 2012. Já marcou 28 gols, e completou 200 atuações pelo time principal, tendo participado das conquistas do Campeonato Carioca de 2012, do Campeonato Brasileiro de 2012 e da Copa da Primeira Liga de 2016.
Marcos Júnior, atacante.

PCFilho

História - PSG x Real Madrid


Na atual edição da Liga dos Campeões da Europa, Paris Saint-Germain e Real Madrid se enfrentam nas oitavas-de-final, em dois jogos que prometem fortes emoções para os fãs do futebol.

Ao longo da história, Paris Saint-Germain e Real Madrid já se enfrentaram ao todo 11 vezes, com 6 vitórias do clube espanhol, 2 empates e 3 vitórias do quadro francês, 17 gols do Real Madrid e 11 gols do PSG.

Os dois duelos de 1993 foram pela Copa da UEFA (atual Liga Europa), com o Real Madrid ganhando na ida por 3 a 1, e o PSG se classificando ao vencer a volta por 4 a 1.

Os dois confrontos de 1994 foram pela antiga Cup Winners' Cup, a Taça dos Vencedores de Taças: o PSG venceu em Madrid e empatou em casa, classificando-se à fase seguinte.

Em 2015, PSG e Real Madrid se enfrentaram na fase de grupos da Liga dos Campeões: um empate em 0 a 0 em Paris, e uma vitória do Real Madrid por 1 a 0 em Madrid.

As outras partidas foram amistosas: vitórias do Real Madrid na Espanha em 1994 e 1997, na Suécia em 2013 e no Qatar em 2014, e vitória do Paris Saint-Germain nos Estados Unidos em 2016.

Abaixo, a lista com todos os resultados do duelo entre PSG e Real Madrid:
02/03/1993 - Real Madrid 3 x 1 Paris Saint-Germain - Santiago Bernabéu (Madrid, Espanha)
18/03/1993 - Paris Saint-Germain 4 x 1 Real Madrid - Parc des Princes (Paris, França)
03/03/1994 - Real Madrid 0 x 1 Paris Saint-Germain - Santiago Bernabéu (Madrid, Espanha)
15/03/1994 - Paris Saint-Germain 1 x 1 Real Madrid - Parc des Princes (Paris, França)
04/10/1994 - Real Madrid 4 x 0 Paris Saint-Germain - Santiago Bernabéu (Madrid, Espanha) 
29/05/1997 - Real Madrid 4 x 1 Paris Saint-Germain - Santiago Bernabéu (Madrid, Espanha)
27/07/2013 - Paris Saint-Germain 0 x 1 Real Madrid - Ullevi (Göteborg, Suécia)
02/01/2014 - Paris Saint-Germain 0 x 1 Real Madrid - Khalifa International Stadium (Doha, Qatar)
21/10/2015 - Paris Saint-Germain 0 x 0 Real Madrid - Parc des Princes (Paris, França)
03/11/2015 - Real Madrid 1 x 0 Paris Saint-Germain - Santiago Bernabéu (Madrid, Espanha)
27/07/2016 - Real Madrid 1 x 3 Paris Saint-Germain - Ohio Stadium (Columbus, EUA)
14/02/2018 - Real Madrid x Paris Saint-Germain - Santiago Bernabéu (Madrid, Espanha)
06/03/2018 - Paris Saint-Germain x Real Madrid - Parc des Princes (Paris, França)

Abaixo, um vídeo raro, do amistoso de 1997, com direito a um golaço do lateral-esquerdo brasileiro César Prates:

PCFilho

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Xadrez - Mate em 18! (Imants Dulbergs)

Imants Dulbergs, Memorial Petrov, 1975.
Código FEN: 1nrbB3/1bkqpP2/pNprp3/K1NpRp2/1PpP1P2/2P1P3/8/8 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 18 lances!

(White to play and give checkmate in 18 moves!)

PCFilho

Efemérides tricolores - 18 de janeiro


1934: em amistoso interestadual, o Fluminense ganhou por 5 a 4 do Siderúrgica de Sabará, no Estádio de Lourdes, em Belo Horizonte. Os gols tricolores na partida foram de Vicentino (dois), Walter Fortes e Tintas (dois). Esta foi a segunda vitória em dois jogos, na viagem à capital mineira (a primeira fora sobre o Atlético Mineiro, quatro dias antes - vide 14 de janeiro).

1958: em amistoso disputado no Estádio Nhozinho Santos, em São Luís, o Fluminense venceu o Moto Club por 4 a 2, graças aos gols de Telê (dois), Waldo e Ivan (de pênalti). Após as quatro vitórias em Belém, o Tricolor seguia em sua bem-sucedida viagem pelas regiões Norte e Nordeste. No dia seguinte, enfrentaria o Sampaio Corrêa, novamente no Nhozinho Santos (vide 19 de janeiro).

1959: um dia após vencer o Ferroviário (vide 17 de janeiro), o Fluminense empatou em 0 a 0 com o Fortaleza, em novo amistoso no Estádio Presidente Vargas, na capital cearense. Este foi o quarto jogo de uma sequência invicta que duraria doze partidas (e não seria a maior da temporada). Começava um ano histórico, em que o Fluminense conquistaria o Campeonato Carioca sofrendo somente uma derrota na competição.

1969: em partida amistosa, em General Severiano, o Fluminense venceu o anfitrião Botafogo por 2 a 0, com dois gols de Ademar Pantera. Era o início de uma temporada vitoriosa, na qual o Tricolor conquistaria o Campeonato Carioca e a Taça Guanabara (naquele ano, uma competição à parte).

1976: em amistoso disputado no Serra Dourada, o Fluminense ganhou por 2 a 1 do Goiás, graças a dois gols de Gil. Este jogo marcou o retorno de Carlos Alberto Torres e as estreias do goleiro Renato, do lateral Rodrigues Neto, do ponta Dirceu e do centroavante Doval no Fluminense. Com estes reforços, a Máquina Tricolor iniciava ali mais uma temporada de sonho, em que conquistaria o Torneio de Viña del Mar, o Torneio de Paris e o bicampeonato do Rio de Janeiro.
Rodrigues Neto, Doval, Dirceu e Renato: os reforços de 1976.

2001: em sua estreia no Torneio Rio-São Paulo, no Parque Antártica, em São Paulo, o Fluminense fez ótima partida e venceu o Palmeiras por 3 a 1, graças aos gols dos atacantes Agnaldo (dois) e Faustino Asprilla. O colombiano teve grande exibição, iniciando as jogadas dos dois gols de Agnaldo, e marcando um golaço após arrancada desde a linha central do gramado.

2006: em jogo válido pelo Campeonato Carioca, o Fluminense ganhou por 6 a 0 do Nova Iguaçu, no Estádio Giulite Coutinho, com gols de Lenny (dois), Adriano Magrão, Evando (dois) e Roger Machado.

****

Aniversariantes do dia:

Antônio Lima dos Santos, o Lima (1942), lateral-esquerdo mineiro, que atuou no Fluminense na temporada de 1974. Antes de envergar a camisa tricolor, Lima fez história no Santos, clube pelo qual conquistou diversos títulos, e integrou a Seleção Brasileira que disputou a Copa do Mundo de 1966, na Inglaterra.
Lima, na Seleção Brasileira.

Ivan Saraiva de Souza, o Ivan (1982), lateral-esquerdo paulista, que jogou no Fluminense na temporada de 2007, ano em que fez parte do plantel campeão da Copa do Brasil.
O lateral-esquerdo Ivan.

PCFilho

Sudoku muito difícil

Revista Coquetel Desafio Super, nº 259, 06/2016 (Brasil).

As regras do Sudoku são simples: cada linha, cada coluna e cada quadrado menor [3 × 3] devem conter os algarismos de 1 a 9, cada um somente uma vez. Você consegue descobrir todos os números?

(The rules of Sudoku are simple: each line, each column and each smaller square [3 × 3] must contain the numbers from 1 to 9, each one only once. Can you find out all the numbers?)

PCFilho